História

A Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada (ESEnfPD) conta na sua história 50 anos de existência comprovados pela publicação da Portaria nº 16904 de 24 de Outubro de 1958.

Nessa altura o panorama da Saúde nos Açores era bastante gravoso, sobretudo no campo da Saúde Pública, dada a falta de pessoal e estruturas de saúde. O coeficiente de mortalidade infantil em Portugal era de 90,67% pesando neste, a alta mortalidade infantil nos Açores (no distrito de Ponta Delgada - concelhos das ilhas de São Miguel e Santa Maria - a taxa de mortalidade infantil era de 172,68%). As repercussões internacionais de tão elevadas taxas, conduziram o Governo Central a tomar medidas para as diminuir e, em 1956/1957, é instalado em São Miguel e Santa Maria o “Plano Piloto de Assistência Materno-Infantil” que integrou todos os aspectos inerentes à melhoria dos estilos de vida e condições de saúde da população, funcionando com equipas de enfermagem recrutadas no continente por períodos de dois anos.

Uma vez que as equipas de enfermagem não davam estabilidade aos serviços, surgiu a necessidade imperiosa de formar localmente pessoal para dar continuidade ao referido plano. Assim, foi criada a Escola de Enfermagem de Ponta Delgada.

Até 1974 ministra os Cursos Geral de Enfermagem e o Curso de Auxiliares de Enfermagem, sendo este último extinto nesta data.

Em 1988 a enfermagem é integrada no sistema de Ensino Superior Politécnico (Decreto-Lei nº 480/88 de 23 de Dezembro) e a 15 de Setembro a Escola é convertida em Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada pela Portaria nº 818/89 de 15 de Setembro.

Em 1986, dada a carência de enfermeiros especialistas nos serviços de saúde da Região, a Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada iniciou a formação pós-básica em enfermagem com os Cursos de Especialização em Enfermagem de Saúde Pública e de Saúde Materna e Obstétrica (Portaria nº 38/86 de 27 de Maio). Seguiram-se as especializações nas áreas de Enfermagem de Saúde Mental e Psiquiátrica e Médico-Cirúrgica.

De 1990 a 1999 a Escola leccionou o Curso de Bacharelato em Enfermagem. A 27 de Setembro de 1999 dá início ao primeiro Curso de Licenciatura em Enfermagem, na mesma altura em que é criado, pela Portaria nº 799/E99 de 18 de Setembro, o Curso de Complemento de Formação em Enfermagem que permitia aos enfermeiros adquirir o Grau de Licenciado.

Em 2004 e pelo Decreto-Lei nº 175/2004 de 21 de Julho dá-se início à integração da Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada na Universidade dos Açores.

Em 2005 com o objectivo de diversificar a oferta formativa dá-se início ao Mestrado de Enfermagem através de Protocolo estabelecido com a Universidade do Porto (ICBAS).

Em 2008 reabre um novo ciclo de Pós Licenciaturas de Especialização em Enfermagem.

A Lei nº 62/2007 de 10 de Setembro – relativa ao Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior integra em pleno a Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada como Unidade Orgânica da UAC na vertente do Ensino Politécnico, reafirmado pela publicação dos novos estatutos da UAC em 22 de Dezembro pelo Despacho Normativo nº 65-A/2008.

O novo plano de estudos, adequado a Bolonha é publicado em Diário da República II Série nº 121 de 25 de Julho de 2008.

A Escola tem como objectivos: formar profissionais de enfermagem com elevado nível de preparação no aspecto humano, cultural, científico e técnico; realizar actividades de investigação; prestar serviços à Comunidade numa perspectiva de valorização recíproca nos seus domínios específicos de intervenção e promover o intercâmbio cultural, científico e técnico com instituições congéneres ou com objectivos semelhantes, visando uma cooperação local, nacional e internacional.

RSS Destaques Destaques

Ligações

AcessibilidadeD. XHTML CSS
Desenvolvido por UAc © 2017 | Termos de utilização